CALENDÁRIO DE CURSOS 2017

Cursos para Assessores de Eventos Sociais em 2017 em São Paulo:

Cursos para Assessores de Eventos Sociais:

18.03.17 (Sábado) – São Paulo

08.04.17 (Sábado) – Belo Horizonte

14.04.17 e 15.04.17 (Sexta –feira e Sábado) – Cuiabá

29.04.17 (Sábado) – Rio de Janeiro

08.05.17 (Segunda-feira) - Palestra com Adriana Gunther & Katia Cardoso do Básico ao Avançado

Cursos para Assessores –Especialização em Casamento Homoafetivo:

19.03.17 (Domingo) – São Paulo

Outras datas de São Paulo e demais Estados, ainda sem programação!

sábado, 28 de agosto de 2010

Casamento: confira as tendências dos buquês de noiva



Parece apenas um detalhe, mas não é. Os buquês de noiva têm tendências, segredos de confecção e cuidados para que nada estrague o momento. Buquês simples, uma única flor e detalhes customizados são algumas das novidades que movimentam o mercado. A escolha das flores também. “Atualmente, a tulipa é muito cotadapara um buquê, já que ela está há pouco tempo no mercado nacional”, diz Daniela Toledo , da Fulô Jardinagem e Flores.

As finalizações também são detalhes importantes. Em buquês grandes, um florista é fundamental: há uma técnica para que ele não desmanche . A escolha é pessoal. “O buquê é uma extensão do vestido. Sempre aconselho toda noiva a fazê-lo com uma flor que ela adora”, diz.

Foi o caso da jornalista Alessandra Niskier. “Quando cheguei ao florista, vi muitas fotos e não gostei de nenhum. Disse que queria copos-de-leite, minha flor preferida. Mas minha mãe foi contra, achou que iria ficar bruto, porque são flores grandes. Estava quase convencida, mas triste. Aí, o florista me aconselhou a fazer o que queria. Ele poderia escolher os menores copos-de-leite que encontrasse para fazer um buquê mais delicado. Topei”, recorda. O resultado: combinou com o vestido e com a decoração. Tanto, que ela só jogou o buquê porque é uma tradição. “Eu gosto dos tons escuros, como o vinho. Foi a cor do meu buquê. Mas tudo depende da decoração da noiva, do estilo do vestido e da época”, conta Cíntia Costa, editora do portal Planejando meu Casamento e autora de um livro com o mesmo nome.

Os adereços são muitos. “Algumas noivas gostam de personalizar, com um pedaço de tecido do vestido, ou com um terço da família, ou uma fita especial comprada já pensando no casamento”,ensina Daniela. A pesquisa na internet também é fundamental. Desde comunidades em redes sociais a portais especializados, como o balado The Knotque publicou até um livro só sobre este assunto. “Isso ajuda a divulgar e a manter os bons profissionais no mercado”, explica Simone Souza, do Hora do Sim. E quando fornecedor não é bom, a notícia se espalha nas dezenas de fóruns.Simone diz que o especialista ajuda até na hora de ensinar a noiva a segurar o buquê. "Tem uma técnica, senão ela vai fazer o buquê tremer", diz.

Orçamento apertado: elas fazem seus buquês

Algumas noivas preferem elas mesmas cuidarem da confecção. “Para que funcione, tem que ser simples - se quiser qualquer coisa mais elaborada, melhor comprar com um florista”, diz Cintia. Elas dá algumas dicas. “Um exemplo bacana que você pode fazer em casa é buquê de copos de leite ou callas, como fez minha prima em seu casamento. Ela apenas juntou algumas callas vinho bem bonitas, cortou os caules na mesma altura, amarrou e passou uma fita branca grossa em volta. Ficou lindo de morrer e saiu super em conta.”, ensina.

A jornalista Bianca Kleinpaul fez o mesmo. “Como ia ser em uma casa com jardim, cheio de verde, queria que ele parecesse com flores do próprio jardim, como se eu tivesse colhido ali na hora. Fui na floricultura da Cobal, já em mente a cor diferente do vermelhão da decoração, e fui pegando tudo que era laranjão, amarelão, verdão, e eu mesma fui montando. Tirei foto, o vendedor anotou tudo e um dia antes fui lá pegar”.

Um buquê mais complexo exige conhecimento. “Por exemplo, dependendo do estilo, você tem que colocar as flores para abrir”, diz Simone. A recomendação é procurar os floristas com pelo menos uma semana de antecedência, para que tudo dê certo.



Fonte: gnt.globo

Nenhum comentário:

Postar um comentário